A termografia infravermelha ativa (IRT) permite uma rápida inspeção não intrusiva de estruturas de forma complexa. A técnica de termografia ativa é uma técnica de análise não destrutiva que permite complementar a análise de forma mais detalhada se existirem alguns defeitos na subsuperfície da zona de reparação. Os métodos térmicos são mais eficazes para laminados finos ou para defeitos próximos da superfície.

As amostras no projeto MOSHO foram inspecionadas utilizando a termografia ativa, através da utilização de uma câmara térmica de infravermelhos de onda longa (LWIR) (FLIR SC660), após o aquecimento das amostras durante 20 segundos.

Câmara térmica de infravermelhos
Visualização de uma reparação através de termografia