Foi encerrada com sucesso a atividade de teste de impacto nos materiais compósitos selecionados no âmbito do projeto.

Esta atividade envolveu a utilização de um canhão de ar composto por um reservatório de 150L com pressão máxima de 10bar e capaz de propulsionar esferas de metal ou gelo, com diâmetro até 75mm, a velocidades entre 90 e 250m/s. O restante setup de teste inclui ainda a utilização de 2 cameras de alta velocidade e um cronógrafo digital por forma a determinar com exatidão a velocidade de impacto e a velocidade residual, caso exista penetração do alvo.

Os impactos realizados permitiram danificar as soluções compósitas em estudo, da forma pretendida para posteriormente serem submetidas ao processo de reparação.

Canhão de ar pressurizado

Setup de aquisição de velocidade do projétil ( cronógrafo e filmagem de alta velocidade)

Impacto de projétil de gelo